Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Machismos-helenismos

por Alda Telles, em 03.12.10

 



 


 


No final de um dia em que sou acusada, em várias plataformas, de machista invertida por tecer considerações de louvor ao novo deus na terra - o príncipe-herdeiro do Qatar e presidente do comité da candidatura vencedora do seu país ao Mundial de 2022, o xeque Mohammed bin Hamad Al-Thani - tive um último arremesso de solidariedade.


 


No debate da tvi24, esta noite, sobre as vantagens e desvantagens dos grandes eventos em Portugal, foi penoso ver as constantes interrupções de Helena Matos sempre que os seus colegas de debate tentavam falar. Em especial o meu blogmate lpm. Sou pela educação e aprecio um certo grau de cavalheirismo. Mas há limites.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D